A liberdade é um problema

Na minha prática, no âmbito da filosofia para crianças, procuro que as aulas se traduzam em espaços de liberdade – e de responsabilidade. Pois! Isto implica que as crianças tenham a possibilidade de gerir uma série de coisas por si e com o grupo com o qual está a trabalhar. Exemplos? As idas à casa de banho. A troca de lugares para ficar ao pé do amigo. Os voluntários para distribuir e entregar material. O silêncio necessário para ouvirmos os diálogos. Estas e outras coisas têm que ser uma responsabilidade partilhada por todos.
No início é necessário que eu faça a gestão destas responsabilidades e estabeleça as regras de trabalho, em conjunto com os alunos. Gosto de os ouvir e de lhes dar oportunidade para que possam colaborar na construção destas regras. Por essa razão, há regras diferentes em cada uma das salas, em cada uma das turmas.
A liberdade e a responsabilidade que cada grupo consegue assumir é variável, pois cada grupo é constituído por crianças diferentes, todas elas diferentes. E a diferença é algo que gosto de preservar em sala, tendo por base o respeito.
Num dos grupos – alunos do 4º ano – aconteceu verificarmos que a liberdade de ir à casa de banho sempre que quisermos, sem que tenham que me pedir, não estava a resultar. Havia meninos a correr para a porta, sempre que chegava aquele que tinha saído para ir à casa de banho. Havia mais confusão ainda para gerir, do que aquela inerente aos dedos no ar para fazer esse pedido – quando o que me interessam são os dedos no ar para partilhar ideias sobre o assunto do diálogo.
Perguntei para pensarmos sobre o que estava a acontecer, quando tínhamos a liberdade de poder ir à casa de banho, um de cada vez, sem pedir a ninguém. A Catarina levantou o dedo e disse: “o problema é esse mesmo, temos liberdade e devíamos era ter regras mais fixas”.
E passamos duas aulas, talvez mesmo três a dialogar sobre o problema da liberdade e das regras. Aquele grupo em particular considera que as aulas funcionam melhor com regras “fixas” e sem que lhes seja dada autonomia para, por exemplo, levantar e ir à casa-de-banho. E é assim que temos que trabalhar, ainda que, para mim, o ideal seja aquilo que acontece no grupo da sala ao lado: as pessoas vão à casa-de-banho sempre que precisam, sem necessidade de pedir ou fazer grande alarido. Sabem que enquanto vão e voltam os trabalhos do pensar não vão parar e que podemos, depois, em grupo, partilhar o que aconteceu nesse tempo.
Não é fácil este trabalho de conciliar a postura exigida pelas metodologias inerentes à filosofia para crianças, a expectativa de “autoridade” que as crianças têm de um professor e as formas de estar e de ser de cada uma das crianças que faz parte de turmas que variam entre os 16 e os 24 alunos.

Todos os dias aprendo alguma coisa e todos os dias paro para pensar como estão a correr os trabalhos e o que posso mudar, onde tenho que insistir, quais as ferramentas mais apelativas – e garantir, ainda, que lhes posso dar tempo livre. As minhas aulas acontecem numa hora algo ingrata: às 16h30. Sim, as crianças estão cansadas e passam muitas horas na escola. Nem sempre há condições para podermos fazer a nossa aula num espaço diferente daquele que é a sua sala de aula habitual. É uma grande ginástica, esta. E compensa toda a “dor muscular”, sobretudo quando, no final da aula, o Roberto vem ter comigo e diz “hoje gostei mesmo de trabalhar contigo na filosofia. E com a turma toda!”

Cedido pelo blogue JoanaRSSousa, com autorização da autora Prof. Joana Rita Sousa.

 

1 Comentário
  1. Foto de perfil de stela
    stela 3 meses atrás

    Adorei o espaço. estou encantada com as experiências compartilhadas. Seja no Brasil ou em Portugal, a vontade do professor é dar o seu melhor .

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

CONTATE-NOS

Envie-nos uma mensagem, seremos breves na resposta.

Enviando

©2017 ClickProfessor - Comunidade e Diretório Nacional de Professores

ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account